Atenas é um verdadeiro museu a céu aberto

O Parthenon é uma das maravilhas de Atenas

Atenas é o berço da civilização ocidental. Muitas situações que fazem parte do nosso contexto de hoje, como o direito e a filosofia, tiveram origem na Grécia. A capital grega é, ao mesmo tempo, um dos lugares mais antigos do mundo e também um dos mais modernos. Construções de vidro e aço se misturam a edificações milenares. Após as Olimpíadas de 2004, o país reforçou sua infra-estrutura para aumentar a capacidade turística, mas isso também contribuiu muito para aumentar sua dívida externa. Atualmente, a Grécia passa por um dos momentos mais difíceis em sua economia. A crise internacional que teve início em 2008 provocou recessão em vários países do primeiro mundo e está tendo conseqüências gravíssimas na Grécia. Mas nada disso tira o charme milenar dessa nação.

Localizada no sul da Grécia, Atenas abriga pelo menos um terço da população total do país, com cerca de três milhões de pessoas em sua área metropolitana. Considerada um museu aberto, a história da cidade é interessante não apenas para o povo grego, mas sim para toda a humanidade. Outro exemplo da herança helênica está no idioma, já que muitas palavras do português e outras línguas têm origem neste país. Levando-se em conta o fato de a Grécia ser o último país cristão ocidental antes do mundo árabe, a sua importância cultural é estratégica.

Os principais monumentos estão no centro histórico. Muitas construções localizadas nessa área datam de mais de 800 anos antes de Cristo. Não deixe de visitar o Kalimarmaro, o primeiro estádio a receber os Jogos Olímpicos da Antiguidade. Já na Cidade Alta, também conhecida como Acrópole, o turista conhecerá o Parthenon, um dos monumentos mais famosos da Grécia. Este templo foi erguido no século V a.C em homenagem à deusa grega Atena (da sabedoria). É, sem dúvida, o principal cartão postal da capital do país, além se ser Patrimônio da Humanidade declarado pela UNESCO. Também é indispensável passear por Plaka, local onde viveram pessoas séculos antes de Jesus Cristo, além de influenciar até mesmo alguns costumes gregos atuais. Vale a pena conhecer também o Museu da Acrópole com sua exposição permanente e o teatro de Dionísio. Ao visitar esses locais, o visitante ganha uma aula de história e mitologia grega. Para aprender tudo sobre Zeus, Hércules, Afrodite, Deméter, Apolo, dentre outros, basta fazer um passeio pelas ruas de Atenas.

Não estranhe se em pleno verão, quando anoitece por volta das 21 horas, o comércio fechar as portas entre as 15h e 18h. Trata-se da “sesta”, um costume praticado também na Espanha. Nesse momento, boa parte do país costuma fazer uma pausa para descansar depois do almoço. A recomendação é evitar passeios na rua para se proteger do calor. No inverno, as temperaturas são mais amenas devido ao clima mediterrâneo da região. É possível chegar a Atenas de avião, mas a maneira mais agradável é ir de cruzeiro. Os passeios geralmente incluem também as famosas ilhas gregas.

Foto: Mr G’s Travels no Flickr

Autor: Caio Lima

Blogger na rede The Diktyo SL.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *