Cultura e turismo no Maranhão

Cultura do Bumba Meu Boi
Cultura do Bumba Meu Boi
Localizado na região nordeste brasileiro está o Maranhão. Economia desenvolvida principalmente dentro do setor turístico que aproveita para lucrar com as longas dunas de areias, conhecidas também como lençóis maranhenses. No século XVI algumas tribos chegaram à região, entre elas: tupinambás, potiguaras e tremembés. O local participou de maneia ativa da colonização. Clima quente com brisas ao entardecer. Neste sentido, cultura junto com visuais paradisíacos arenosos são dois aspectos peculiares do turismo no maranhão.

Bumba Meu Boi: O Maranhão é conhecido em nível mundial por causa da cultura do Bumba Meu Boi. A cidade de Pindaré Mirim representa destaque no folclore praticando no Estado. As Festas Juninas são momentos ideais para este tipo de visitação turística, quando diversos municípios promovem os eventos juninos de rua, que não existem mais em outros centros metropolitanos espalhados pelo Brasil.

Os arraiais trazem manifestações folclóricas cultuadas pelo povo há séculos, sendo que o foco está no Bumba Meu Boi. Nas festas juninas é possível ouvir de longe o barulho das apresentações com batucadas e cantos de marchinhas ao redor da cidade.

Na região de Pindaré há grupos folclóricos especializados em cultuar o Bumba Meu Boi que participam de campeonatos que concedem altas quantias financeiras como prêmio aos primeiros colocados. O destaque cabe pelo UPAON-AÇÚ, principal grupo do gênero na região que representa a cultura do estado com exatidão pragmática. Conhecidos em virtude do figurino desenhado com extremo cuidado e singularidade nas cores empregadas com alegria nas roupas do boi ou dos alegóricos que rodeiam o protagonista na apresentação.

Cozinha maranhense: O Maranhão também tem reconhecimento mundial quando o assunto é gastronomia, com culinária renomada elogiada por grande parte das revistas especializadas em viagens turísticas. Não se pode ignorar o fato de que as gastronomias portuguesas, francesas e indígenas formam as receitas que são singulares na região. Cebolinha, coentro, cheiro-verde, cominho em pó e pimenta do reino forma a base dos temperos presentes nos peixes e frutos excêntricos.

Os pratos elaborados no interior também representam destaque na região.  O arroz de cuxá simboliza a essência da culinária, principalmente se está misturado com camarão seco, farinha seca, gergelim ou vinagreira. Vale destacar ainda os alimentos destaques no interior, caso da galinha ao molho pardo, carne-de-sol, mocotó, dobradinha e sarrabulho.

O centro da capital do Maranhão é considerado Patrimônio Mundial da Humanidade, e por este motivo não pode deixar de ser visitado, principalmente se o turista almeja fazer viagens culturais.

Leia mais:

Foto: maranhaomaravilha.blogspot.com

Autor: Renato Duarte Plantier

Redator na rede de blogs The Diktyo SL. Coproprietário e Redator de blogs informativos em AsemioticanaWeb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *