Da cidade de Phoenix para os filmes de Bang Bang

Papago Park, Phoenix, Arizona

Construída num dos ambientes mais hostis dos Estados Unidos da América, a cidade de Phoenix é a prova da capacidade humana em superar os obstáculos de uma região seca, árida e desértica. Capital e maior cidade do estado do Arizona, Phoenix foi erguida literalmente no meio do nada. Com pouco mais de 1,4 milhões de habitantes, a cidade é a sexta maior dos Estados Unidos e, dentre as capitais estaduais, é também a maior. Quem visita a região durante o verão pode ser pego de surpresa com as altíssimas temperaturas do Deserto de Sonora, que podem ultrapassar os 40° C com muita facilidade. As mínimas também costumam ser quentes, numa média de 27°C. Por isso, a dica é beber muita água ao longo do dia e evitar andar a pé pelas ruas nos horários em que o Sol brilha com mais intensidade. Alguns prédios comerciais do centro costumam borrifar água para o lado de fora. Isso sempre soa como um alívio para quem passa por perto, já que a umidade do ar é baixa na maior parte do ano. Já no inverno as condições são mais amenas, com as temperaturas máximas variando de 18°C a 22°C.

Pelo fato de Phoenix ter sido planejada, fica praticamente impossível para os turistas se perderem, já que todas as ruas correm no sentido norte-sul e leste-oeste, exceto a diagonal Grand Avenue. Phoenix não é uma cidade turística propriamente dita. O local costuma ser visitado a negócios, por quem está à procura de tour pelo deserto do sudoeste americano ou por quem está a caminho da Califórnia.

Mas a cidade também tem seus atrativos, como o Jardim Botânico do Deserto (Desert Botanical Garden), com centenas de exemplares de espécies da flora local, espalhados por uma área de 140 hectares. Vale a pena conhecer também o Heard Museum, um museu totalmente dedicado a preservar a memória dos povos indígenas que habitavam o oeste americano. Aliás, Phoenix tem muita história guardada no que se refere ao Velho Oeste dos anos 1800. No Arizona Science Center, as pessoas podem assistir apresentações sobre o desbravamento do Oeste e sobre os índios Apaches, Hohokam, dentre outros. Tudo isso numa tela de cinema gigantesca. Já no espaço aberto da Historic Heritage Square estão algumas construções do século XIX que deram origem à cidade.

Os amantes da cultura do Velho Oeste não podem deixar de visitar o Rawride Wild West Town. Localizado a 20 km ao sul do centro de Phoenix, na cidade vizinha de Chandler, o local possui diligências, pistoleiros duelando no meio da rua, apresentações de música e dança típica e um cenário totalmente ambientado nos filmes de cowboy. Rawride também abriga restaurantes que servem pratos característicos da culinária western.

Foto Phoenix: dougtone no Flickr

Autor: Caio Lima

Blogger na rede The Diktyo SL.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *