Dicas de viagem para a terceira idade

Aproveitar a aposentadoria para conhecer o mundo
Aproveitar a aposentadoria para conhecer o mundo
Conhecer novas culturas e paisagens pelo mundo pode ser uma ótima forma de aproveitar a aposentadoria. Mas antes de viajar é preciso ficar atento a alguns detalhes que poderão fazer grande diferença na qualidade do roteiro – e das lembranças – se você já entrou na terceira idade. Confira.

Viajar é inerente a qualquer idade. Mesmo se estiver na terceira idade,  não deixe planejar a sua viagem e realizar os sonhos. Só lembre-se de quem está na cidade precisa de uma atenção a mais na hora de escolher o destino, fazer a mala e o que fazer durante o passeio, justamente para evitar problemas e preservar o estado físico para evitar mal estar. Confira algumas dicas.

Quando viajar, escolha ir em grupo. É a opção mais segura e ideal para quem está nessa faixa etária. Não só pela segurança de ter alguém perto por questões de mobilidade e memória, é uma ótima oportunidade de conhecer novas pessoas.

Opte por um roteiro tranquilo. Viagens curtas para lugares mais distantes ou mesmo muitas cidades em um curto período de tempo não valem a pena, e acaba sendo cansativo. Uma viagem de cinco dias pela China ou 5 países em 10 dias não são ideais pelo pouco tempo de passeio. Um roteiro mais tranquilo ou com mais dias de viagem vale mais a pena.

A Europa é um ótimo destino. O velho continente tem um rico roteiro histórico e cultural pelos países. A Itália, por exemplo, é uma boa opção e um dos principais destinos de quem vai à Europa, além da França e Inglaterra.

Se escolher uma viagem que tenha guia, não o perca de vista. Afinal é muito fácil de se perder em lugares cheios ou mesmo perder a noção de tempo dentro de uma loja e se desencontrar com ele depois. Preste sempre atenção para evitar se separar do grupo em que está.

Se fizer uso de remédios, não esqueça de levá-los para a viagem, juntos com a receita médica. Se for líquido com mais de 100 ml, o medicamento deve ser despachado junto com a mala. Caso contrário e se for necessário tomá-lo ainda no avião, certifique-se que esteja junto com a bagagem de mão.

Durante a viagem sempre escolha por opções de locomoção mais confortáveis e meios que não sejam cansativos, como ônibus para o deslocamento entre cidades muito distantes. No caso o ideal seria avião ou trem. Quando mais evitar situações que possam comprometer o estado físico, mais disposição terá durante a viagem.

Por fim, não esqueça de levar roupas confortáveis independentemente do lugar que for. Chinelos, tênis e roupas mais largas são essenciais para relaxar e para serem usadas durante a viagem. Quanto mais conforto buscar melhor, assim poderá aproveitar ainda mais o roteiro.

Foto: weblog.infopraca.pl

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *