Em clima europeu na região serrana do Rio de Janeiro

Paisagem de Visconde de Mauá (Rio de Janeiro)

Visconde de Mauá está na Serra da Mantiqueira, entre os estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo. Ele é um dos distritos do município de Resende, no Rio de Janeiro, e atrai muitos turistas principalmente no inverno, que buscam um bom clima serrano em baixas temperaturas que podem chegar aos 5ºC.

O distrito é famoso pela degustação de vinhos e pelo fondue nos restaurantes da região, que durante junho e julho, estão sempre cheios, como o Maison de la Fondue. O clima frio é o grande atrativo e a gastronomia local é favorecida por ele.

Nas ruas de Visconde de Mauá também há várias lojas de artesanato, além de estabelecimentos com doces e licores caseiros, além de um bom chocolate quente. Há duas vilas que estão próximas ao distrito que são a Vila de Maringá e a Vila de Maromba. A de Maringá está literamente ao lado de Visconde de Mauá, no lado mineiro, separada somente por um rio. Basta atravessar a ponte que os separa, que o visitante terá inúmeras opções de restaurantes como o Borbulha e o Le Petit.

A região também recebe muitas pessoas no verão. Em Visconde há várias cachoeiras como a Cachoeira do Escorrega, que tem um escorrega natural de pedra, o grande atrativo do local. Outra famosa é a Cachoeira de Santa Clara que tem também uma piscina natural.

O distrito também é conhecido por suas trilhas. Para chegar a Pedra Selada, que está na zona rural da região, a caminhada leva em média duas horas até o pico. O Pico das Agulhas Negras também está perto de Visconde de Mauá. A trilha começa na Vila de Maromba e o percurso dura dois dias.

Como ir:

A Viação Cidade do Aço realiza viagens para a região. Para mais informações:

(24) 3354 2387
(21) 2136 4750

Há também ônibus das viações Resendense e São Miguel que saem de Resende.

Quando ir:

Para aproveitar as cachoeiras da região, a melhor época é o verão. Mas é no inverno que Visconde de Mauá atrai mais turistas, devido ao clima serrano e as baixas temperaturas.

Onde ficar:

Uma das pousadas mais procuradas é a Warabi. A acomodação é de estilo japonês, com chalés feitos de madeira, com deck e varanda. No restaurante a cozinha é também asiática. A pousada é famosa pela sua arquitetura e seu estilo japonês que atraem muitos hóspedes, e também por ficar perto do centro comercial da região.

No inverno, muitos visitantes preferem escolher hotéis que ofereçam chalés como acomodação, pois todos têm lareira, além de poderem aproveitar o clima frio do distrito.

Foto: Zeigen_was no Flickr

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *