Museus de São Paulo

O Museu de Arte de São Paulo foi fundado por Assis Chateaubriand

Ir a um museu e conhecer um pedaço da história. São Paulo, uma das capitais que mais participaram da construção do Brasil, possui diversos museus dedicados a apresentar essa evolução sobre diferentes aspectos. Confira alguns dos mais famosos:

MASP: O Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand, mais conhecido por sua sigla, é a menina dos olhos da cidade, por abrigar a maioria das exposições de maior importância. A visita ao local já se mostra válida para conferir a sua arquitetura, projetada pela arquiteta Lina Bo Bardi, que se consiste em um vão – livre de mais de 70 metros sustentado por quatro pilares e que ainda apresentada uma bela vista da cidade de São Paulo.

Museu da Língua Portuguesa: primeiro museu dedicado a preservação de um determinado idioma, o Museu da Língua Portuguesa possui em seu calendário diversas exposições [itinerantes ou permanentes] que tem por objetivo ressaltar a importância da língua portuguesa, bem como a de seus escritores. O local também se vale da tecnologia, disponibilizando diversos aparelhos que informam a origem etimológica de diversas palavras que usamos no dia-a-dia, bem como suas variações.

Uma dica: no último andar do museu acontece de trinta em trinta minutos a exibição de um filme que dedicado a apresentar a evolução do modo de se falar português. Vale muito a pena assistir, tanto pelo filme como pela surpresa que aguarda os telespectadores após a sua exibição.

Museu dos Transportes: inaugurado em 1985 através da iniciativa de Gaetano Ferolla,  ex-funcionário da CMTC (Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos), atualmente ele é mantido e administrado pela SPTrans, que gerencia os veículos coletivos de São Paulo.

O Museu abriga diversas raridades, como o primeiro bonde a circular no Brasil, no ano de 1859, até o primeiro trólebus de fabricação nacional, fabricado em 1960. Graças a doações efetuadas por diversos colecionadores, o museu possui um acervo de 3.000 documentos, entre fotos e livros, além de sete veículos.

Museu do Ipiranga: também conhecido como Museu Paulista da Universidade de São Paulo, abriga um grande acervo de objetos relacionados à Independência do Brasil. São objetos, mobiliário e obras de arte datadas do final do século XIX, que apresentam uma visão do Brasil durante os seus últimos anos de monarquia.

Pinacoteca do Estado: o prédio, projetado por Ramos de Azevedo e Domiziano Rossi, abriga um dos maiores e mais importantes acervos de arte brasileira, com destaque para a pintura dos séculos XIX e XX. A Pinacoteca também abriga obras de famosos artistas do modernismo brasileiro, como Anita Malfati, Cândido Portinari e Tarsila do Amaral.

Com vontade de conhecê-los? Acesse o site de cada museu e veja em quais dias e horários eles estão abertos (a maioria dos citados  abre as suas portas ao sábado com entrada gratuita).

Foto: octavioqueiroz no Flickr

Autor: Mônica Wanderley

Blogger na rede The Diktyo SL.Bacharelado em Jornalismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *