Um banho terapêutico no Mar Morto

Banho terapêutico no Mar Morto
Banho terapêutico no Mar Morto

O Mar Morto é uma das maravilhas da Jordânia. Os seus 80 quilômetros de extensão dividem o país da Cisjordânia. Infelizmente, devido a uma depressão  de 400 metros formada dentro do Mar Morto, as suas águas abaixam cerca de um metro por ano e até 2050 ele pode sumir por completo. Ele já é afetado fortemente pela agricultura que utiliza muito a água do rio. Preocupado, o governo está investindo na construção de um canal de 180 quilômetros para levar água do Mar Vermelho ao Mar Morto, com o objetivo de impedir que ele desapareça.

Conhecido por suas águas calmas, cinzas  e salgadas, o Mar Morto possui um grau de salinidade seis vezes maior do que encontrado nos oceanos. O turismo na região começou a ser explorado há pouco mais de uma década e atualmente há vários hoteis, spas e resorts.

Anualmente, cerca de um milhão de pessoas visitam as localidades. Mas as águas do rio são famosas principalmente por serem terapêuticas, não é a toa que há muitos spas.  Há muitos sais minerais como potássio e sódio que são essenciais para tratamentos estéticos. É uma forma natural de oferecer relaxamento aos hóspedes que estão na região.

Um dos hotéis que oferece serviços de spa com as águas do mar é o Mõvenpick, inaugurado em 1999.  Em entrevista ao Estadão, em 2008, o gerente do hotel Bruno Huber falou da importância da região: ”O Mar Morto é o primeiro spa natural do mundo”, disse. Ele também comentou a importância do turismo: “ A crescente demanda pelo turismo de saúde, beleza e bem-estar fazem do Mar Morto um destino estratégico”.

Além do Mõvenpick, há o Marriott e o Kempinski, todos hotéis cinco estrelas. Os resorts oferecem grandes acomodações, restaurantes e o famoso spa que não pode ser deixado de lado. O Mõvenpick, por exemplo, recriou uma vila árabe no seu complexo, então toda a área e as acomodações têm uma decoração e arquitetura árabe. E os tratamentos estéticos oferecidos no resort são a base dos sais minerais retirados do Mar Morto.  Um dos serviços imperdíveis do Mõvenpick é a hidromassagem. A piscina foi feita de uma forma que o hóspede tem a impressão que está no mesmo nível do Mar Morto.

Mas nada pode substituir a incrível experiência  de entrar no próprio mar e boiar em suas águas salgadas. Os resorts possuem uma praia particular, então não tem como perder a chance de conhecer de perto como é a paisagem. Mas é importante ter sempre em mente duas recomendações: devido a alta salinidade da água, é bom evitar o contato com os olhos, além de não ficar muito tempo dentro da água para não correr o risco de desitratação. Depois do banho, tire o sal do corpo em um dos chuveiros de água doce espalhados pela praia.

Um banho no Mar Morto acaba sendo terapêutico e relaxante para todos.

Foto: dprieto no flickr

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *