Estações de esqui e clima cosmopolita: Bem vindo à Vancouver

Vista aérea deslumbrante de Vancouver

Localizada na costa do Oceano Pacífico do Canadá, Vancouver está também a apenas 30 km da fronteira com os Estados Unidos da América. A distância até a cidade norte-americana de Seattle é de 190 km. Por isso, o intercâmbio turístico entre os dois países é intenso. Mas a belíssima Vancouver também vive de braços abertos para o resto do mundo, atraindo turistas das mais variadas nacionalidades. Visitar pelo Mercado Municipal de Granville e pelos simpáticos bares de Little Italy. No verão, os dias contam com mais de 15 horas de sol. Já no inverno, a galera pode curtir as noites longas e frias tomando uma bebida quente em um dos cafés da metrópole. As pistas apropriadas para a prática de esportiva na neve também estão por toda a parte.

Vancouver faz parte da maior área metropolitana do oeste canadense, a terceira maior do país, além de ser a oitava maior cidade propriamente dita. As pessoas podem fazer um agradável passeio de barco pelas águas frias que banham a região. O destino é a cidade de Victoria, capital da província de British Columbia (Colúmbia Britânica), situada no extremo sul da Ilha de Vancouver. É interessante incluir o trajeto no roteiro para conhecer o centro da cidade com suas construções históricas.

Uma dica legal é começar o passeio na cidade pelo famosíssimo Stanley Park, um espaço que conta com espaços para festas e cerimônias, restaurantes, estações de esqui, dentre outros ambientes. Outra idéia boa é ir ao teleférico que dá acesso à Garouse Mountain. A vista panorâmica para toda a cidade é magnífica. Quem gosta de sentir frio na barriga deve caminhar pelos 150 metros da Capilano Suapendsion Bridge, uma ponte suspensa em árvores centenárias, a 75 metros de altura. Vale a pena também esquiar na Whistler-Blackcomb Resort, a 120 km da cidade, e na Cypress Mountain. Não é à toa que Vancouver é um excelente pólo atrativo para amantes dos esportes radicais.

Vancouver é um ótimo lugar para se fazer compras. O Pan Pacific Shopping e as regiões de Metrotown e Chinatown são paradas obrigatórias na peregrinação do consumo. Quem tiver visto para os EUA, pode fazer uma visita à Seattle e comprar roupas e calçados de marca a preços bem camaradas.

A boemia da cidade é garantida pela variedade de bares, restaurantes e baladas. A vida cultural de Vancouver oferece galerias de arte, exposições, feiras, teatro e salas de cinema para entreter de uma forma educativa os moradores e turistas. Na mesma faixa de fuso horário da cidade de Los Angeles, a metrópole canadense serve como cenário de gravação para muitas produções hollywoodianas, sendo carinhosamente apelidada de Hollywood North.

Foto: ecstaticist no Flickr

Autor: Caio Lima

Blogger na rede The Diktyo SL.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.