Filadélfia é um dos lugares mais importantes na história americana

Skyline de Filadélfia

Pessoas que se interessam pela história dos Estados Unidos não devem deixar de visitar a cidade de Filadélfia, maior cidade do estado da Pensilvânia, no nordeste do país. Quem passa pela sexta maior cidade dos EUA entende porque o povo americano é tão patriota, a ponto de se emocionar com o hino nacional e colocar a própria bandeira para aparecer em praticamente todos os filmes de Hollywood.

Os principais símbolos da luta do país pela independência estão espalhados por toda a região. Destaque para o Indenpendence Hall, local onde foi assinada a declaração de independência americana. Não deixe de conhecer também o Liberty Bell, um sino que ganhou notoriedade durante o combate contra as forças britânicas. Aliás, esses dois lugares aparecem no filme “A Lenda do Tesouro Perdido”, estrelado por Nicolas Cage. O filme “O Sexto Sentido” também utilizou vários lugares da cidade como cenário. De fato, Filadélfia foi e continua sendo um lugar muito importante para a nação, desde a época das Treze Colônias, passando pelo século 18 até os dias de hoje.

Esta grande cidade, cuja população é de cerca de 1,5 milhões de habitantes – se considerar a região metropolitana, esse número sobe para 5,8 milhões-, está na região mais povoada dos EUA, próxima de cidades importantes, como Nova York (130 Km), Washington (200 Km) e Boston (430 Km). Apesar de toda essa importância e relevância histórica, Filadélfia é uma cidade tranqüila, com um clima que lembra qualquer cidade interiorana. Para os turistas, é um ótimo lugar, até porque as opções de hospedagem e locomoção são boas e variadas.

Não deixe de conhecer o Museu de Arte (Philadelphia Museum of Art), onde foi gravada a famosa cena da escadaria em um dos filmes de “Rocky Balboa”, de Sylvester Stallone. O local é um dos principais pontos turísticos de Filadélfia. Outros lugares de interesse que valem a pena ser visitados são o Zoológico da Filadélfia (Philadelphia Zoo), o Museu de Arqueologia e Antropologia da Universidade da Pensilvânia e o Museu Rodin, dedicado ao escultor francês Auguste Rodin. Para conhecer mais detalhes da história norte-americana, conheça também o Atwater Kent Museum.

Mas Filadélfia não é apenas história. A diversidade gastronômica de bares e restaurantes garantem a descontração para qualquer pessoa. A culinária da cidade tem influências que refletem a variedade dos diferentes grupos étnicos que habitam a cidade. É grande o número de jamaicanos, latinos e afro-descendentes. A ascendência irlandesa e italiana também é considerável na cidade. Aliás, conheça os restaurantes de comida italiana do bairro South Street. Ali, a badalação noturna faz a alegria dos jovens.

Foto: Vlastula no Flickr

Autor: Caio Lima

Blogger na rede The Diktyo SL.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.