O que fazer quando for roubado no exterior?

Saiba o que fazer quando for roubado no exterior
Saiba o que fazer quando for roubado no exterioros turistas não sabem o que fazer ou nem por onde devem começar. Saiba o que fazer em cada situação.

Ser roubado em outro país ou mesmo perder o passaporte, cartão de crédito ou outro documento importante acaba com a viagem para muitas pessoas. A burocracia para resolver os problemas vira um estresse e fora que, na maioria das vezes, os turistas não sabem o que fazer ou nem por onde devem começar. Saiba o que fazer em cada situação.

Passaporte no exterior é o documento essencial da viagem. Nesse, o ideal é ir à delegacia da cidade onde está e fazer um boletim de ocorrência. Em seguida, o portador do passaporte deve ir ao consulado ou embaixada para pedir um novo documento. Caso o turista esteja numa cidade onde não há uma representação oficial do país, ele terá que viajar até a cidade mais próxima que tenha a representação brasileira.

É importante lembrar que a embaixada e o consulado não funcionam em feriados e aos finais de semana. Se o roubo ou a perda do passaporte ocorrer nesse período, será necessário esperar pelo próximo dia útil para dar entrada no novo documento. Além disso, o prazo de validade do documento pode ser alterado pela própria autoridade brasileira.

Em casos de perda pouco antes do retorno ao Brasil, o turista pode solicitar uma Autorização de Retorno ao Brasil (ARB) no órgão consular brasileiro mais próximo. A solicitação é gratuita e o ARB é somente usado uma vez, que é para o retorno ao país. Mas se for prosseguir a outros lugares antes de ir ao Brasil, o ARB não se aplica. Seria necessário dar entrada em um outro passaporte. Nesse caso, o solicitante deve pagar uma taxa e dependendo da urgência e do período do ano, o passaporte pode ficar pronto em um dia.

Em situações de perda de documentos brasileiros, como RG, Título de Eleitor ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH), só é possível solicitá-los no Brasil, pois os consulados não podem fornecer outra via. Mas se o brasileiro estiver pela América do Sul, onde as autoridades estrangeiras aceitam o RG, o turista pode fazer um boletim de ocorrência e o consulado daria o ARB.

Roubo de celular é também muito comum nas viagens. A primeira coisa a ser feita é bloquear a linha. Cada operadora tem o seu serviço de atendimento e os procedimentos necessários. O ideal é sempre contatá-los para buscar a melhor solução.

Em casos de cartões de crédito, o primeiro passo é comunicar o roubo a central de atendimento do seu banco e pedir o bloqueio. Atrás do cartão tem um número para contato, então é importante que antes da viagem o anote para futuras necessidades. Além disso, em casos emergenciais há até envio de dinheiro. Já os cartões pré-pagos, como o Visa Travel Money, o reembolso em casos de perda ou roubo é mais fácil.

Saiba mais dicas no Viagem Hoje!

Foto: blogjackierosa.blogspot.com.es

Autor: Mariana Valle

Blogger na rede The Diktyo SL.Cursando Comunicação Social - Jornalismo na UFRJ.

Um comentário em “O que fazer quando for roubado no exterior?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.