O que levar em viagens para trabalho freelance nas fazendas?

Conheça algumas dicas sobre o que levar dentro da mala

Vida de freelance realmente é difícil. Algumas vezes os destinos do itinerário contêm intermináveis quilômetros a caminho das zonas rurais. Não obstante os longos trajetos realizados em automóveis, furgões, caminhões ou ônibus, trabalhador-viajante também precisa ficar atento aos diversos revezes que podem acontecer no caminho do evento. Confira algumas dicas sobre o que levar em viagens freelance nas fazendas.

Vestuário: Dentro da mochila devem ser inseridas roupas para todas as temperaturas. Muitas vezes o evento pode durar longas horas e trazer grandes variações climáticas que podem atrapalhar desempenhos no trabalho. Caso a empresa não forneça uniforme no intuito de proteger contra calor ou frio, pelo menos haverá algumas opções na bagagem própria.

Entretenimento: Como os trajetos são consideravelmente longos, alguma forma de distração deve existir. De qualquer forma, por mais que a equipe seja entrosada, chegam dados momentos onde o silêncio predomina; principalmente na volta, quando todos estão cansados depois da longa jornada.

Neste tópico, viajantes precisam levar opções que agradam. Quem aprecia música carrega algum MP, os assíduos por leitura, livro, e assim por diante. Porém, fique atento quanto à bateria dos aparelhos eletrônicos. As formas de entretenimento fazem com que a viajem longa pareça curta.

Alimento: O corpo precisa ficar hidratado. Neste ponto, tanto passageiros como motoristas devem realizar alimentação com alta caloria. Pães, biscoitos e frutas. Opções que não necessitam de refrigeração.

É interessante ficar atento a esta indicação, muitas vezes não estão programadas paradas no meio do trajeto, sem contar quando de fato não há nenhuma zona comercial. Água e sucos são escolhas perfeitas para bebidas. Refrigerantes, nem pensar, riscados da lista! Estufam o organismo e atrapalham a performance no itinerário.

Cama e banho: Seja na ida ou à volta, certamente o cansaço deve chegar e pesar consideravelmente a fadiga. Travesseiros pequenos são escolhas ideias para repousar nos bancos de forma qualitativa. Durante o inverno alguns cobertores também deixa a estrutura interna do veículo mais quente. Leve também algumas toalhas para secar as mãos e rosto.

Remédios: Não se esqueça dos analgésicos para dores de cabelo, mal-estar, entre outras defesas contra mal-estares que podem surgir inesperadamente no organismo. Pequenos kits de primeiros socorros com esparadrapo, band-aid e mertiolate também representam itens indispensáveis.

Documentos: Alguns trabalhadores não podem entrar no evento justamente porque os administradores do local desautorizam entrada de pessoas não documentadas. Na prática, até mesmo para ir à padaria, cidadãos precisam portar cédula de identidade, embora as regras constitucionais deixem de ditar esta obrigação.

Leia mais:

Onde comprar malas resistentes?

Preparando as malas para viajar

 

Autor: Renato Duarte Plantier

Redator na rede de blogs The Diktyo SL. Coproprietário e Redator de blogs informativos em AsemioticanaWeb

Um comentário em “O que levar em viagens para trabalho freelance nas fazendas?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.