Warning: call_user_func_array() expects parameter 1 to be a valid callback, class 'adsenseib30_textInHome' not found in /home/customer/www/viagemhoje.com/public_html/wp-includes/class-wp-hook.php on line 307

Paraíso tropical de Barbados começa a atrair turistas brasileiros

Ilha Barbados ofrece belas praias

Depois que o Brasil começou a receber vôos diretos de Barbados, o destino finalmente entrou no circuito caribenho visitado por brasileiros. De São Paulo até Bridgetown, a capital do país, o tempo de viagem dura aproximadamente seis horas. A única companhia aérea tupiniquim que realiza vôos para Barbados é a Gol, sempre aos sábados. Para quem vem de Miami, a empresa norte-americana American Airlines opera vôos diários com duração de 3h30.  Sem sombra de dúvida, vale muito a pena voar para Barbados, um pequeno país localizado no ponto mais oriental do Mar do Caribe. É o terceiro país das Américas com melhor Índice de Desenvolvimento Humano, atrás apenas de Estados Unidos e Canadá.

Como em todos os paraísos tropicais da América Central, a principal atração de Barbados são as praias. O pequeno país de apenas 430 km2 é um ótimo lugar para banhistas e amantes dos esportes aquáticos, já que possui sessenta praias espalhadas pela costa e sol forte durante o ano todo. O litoral oeste de Barbados, voltado para o Caribe, oferece as melhores praias para quem gosta de relaxar. As faixas de areia branca dessa região recebem as águas mais tranqüilas do país. Já na costa leste, as formações rochosas, falésias e ondas fortes do Oceano Atlântico são um convite para esportistas que gostam de adrenalina. Algumas praias do sul da ilha, como Miami Beach e Silver Sands, são propícias para a prática de kitesurfing e windsurfing.

Mas nem só de praia vive o turismo em Barbados. Na capital e porta de entrada do país, Bridgetown, o visitante poderá conhecer as principais vertentes culturais que formaram o país. O Barbados Museum conta com algumas galerias instaladas no interior de um antigo presídio da metade do século XIX e mostra o passado histórico do país, formado por culturas trazidas da Europa, África e até da Ásia. Não deixe de conhecer também a Bridgetown Jewish Synagogue, uma sinagoga construída em 1654 pelos judeus que vinham do nordeste brasileiro fugido dos holandeses.

A produção de rum é marca registrada no país há mais de 300 anos, quando o destilado ganhou fama entre os navegadores ingleses. Na Destilaria de rum Mount Gay, fundada em 1703 (é a mais antiga do mundo), o turista pode fazer um tour para conhecer o processo de fabricação e a história da bebida. Outro lugar de interesse do país é a Caverna Harrison. Essa caverna de calcário cristalizado possui túneis subterrâneos que podem ser percorridos de bonde ou a pé, numa caminhada que pode durar até 4 horas. Vário lagos interiores de águas cristalinas faz a alegria dos banhistas, que podem conhecer também o Great Hall, um “salão” natural cujas formações chamam a atenção pela perfeição da natureza.

Foto Barbados: yaracuy.net